RSS

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

"Se acredita em Deus, agradeça-lhe a Luz que tem"


Ouve-se desde tenra idade, mesmo sem sabermos sequer o que isso significa que a vida dá muitas voltas.

A verdade é que até que a nossa roda da vida comece a girar, mesmo depois de crescidos, cá nos vamos mantendo sem perceber muito bem que significado sentido aplicar àquilo.

"A vida dá muitas voltas." Dizem eles quando algo não acontece da melhor forma.

Assim como também vamos enraizando que depois da tempestade vem sempre a bonança. Esta parte, de mais rápida compreensão, na medida em que basta olharmos para as condições climatéricas. Não há chuva que se mantenha para sempre. E por vezes, até somos banhados com a luz do arco-íris, quando o sol e a chuva se cruzam de maneira colorida.

Se pensarmos bem, há ainda o "quem espera sempre alcança".

Ali atrás, falei sobre os ciclos astrológicos. Aqueles de sete em sete anos.

Os meus 28 anos estão próximos e parece, que ao fim de tanta chuva, tempestade, ventos e vendavais, as coisas começam mesmo a compor-se. Aos poucos. Devagar. No tempo devido, depois do desespero.

"Se acredita em Deus, agradeça-lhe a Luz que tem." Frase dita no nascimento da minha filha e que tem sido aplicada a tanta coisa... No trabalho.

Estou a trabalhar no sector energético, na Luz. E desde aí que tudo começa a fluir. O que então parecia estagnado está em movimento constante.

A minha roda da vida, voltou a girar. E a vida dá mesmo tantas voltas...

Estou a trabalhar, mas ganhei muito mais do que um posto de trabalho... Ganhei pessoas, ombros... Tanta coisa boa.

E mais um impossível foi conseguido.

Definitiva e indubitavelmente, depois de tanta privação e provação, o novo ciclo vai começar da melhor forma. A lei do retorno começa a vir ter comigo e com os meus.

Que esta Luz se mantenha ao meu lado e dentro de mim, durante todos os meus dias...

Com o peito e o âmago cheio de luz, deixo, mais uma vez, o meu agradecimento a todos os que têm estado comigo. Às pessoas e ao Universo, por me mostrar que afinal, sou capaz de suportar coisas e situações aparentemente impossíveis de ultrapassar.

E a ti, senhor Deus. Obrigada. Pela Luz... Toda a Luz.

Cheira a flores...

ps: obrigada também a quem tem continuado a clicar na publicidade. No mês passado chegámos aos €10. Muito, muito, mas mesmo muito obrigada.

Sem comentários:

Enviar um comentário