RSS

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Chuva (de estrelas)


Há incertezas que nos vão consumindo lentamente... E que nos levam ao choro, ao soluçar, ao (quase) desesperar...

No dia em que foi anunciada a chuva de Estrelas, foi-nos também dito que uma estrela que veio ter connosco, pode também cair...

Lá fora chovem estrelas, luz e fogo e cá dentro chovem questões, porquês e comos...

Vamos ficar assim, todos, a olhar e a admirar as estrelas que caem pedindo em uníssono que a nossa Estrela, aquela que veio do Mar não caia, não seja engolida e que quando nascer irradie a mesma luz que hoje vemos no céu...

E até lá, vamos ficando nesta dança mágica com esperança que tudo seja iluminado e protegido...

♫•*¨*•.¸¸♪♫•*¨*•♫•*¨*•.¸¸♪♫•*¨*•♫•*¨*•.¸¸♪♫•*¨*•♫•*¨*•.¸¸♪♫•*¨*•♫•*¨*•.¸¸♪♫•*¨*•♫•*¨*•.¸¸♪♫•*¨*•

1 comentário:

Anónimo disse...

Miga...
Agora tou preocupada!!
Diz-me qq coisa????

Beijo

Calinha

Enviar um comentário