RSS

segunda-feira, 15 de março de 2010

Infinitamente nós


A quem me faz sentir feliz...

A ti... Meu namirado!

Em Julho, surge-nos uma surpresa... E um segredo!

Surpresa - estou grávida!
Segredo - é menino ou menina?

A surpresa não foi recebida da melhor forma por ambas as partes e aos poucos foi-se transformando no nosso bebé, no nosso mexilão...

Do nosso bebé passou para o nosso filho Henrique...

Mês após mês, semana após semana, eram-nos dadas provações... Provações essas que nos vieram fortalecer.

Ganhámo-las todas! Superámos todas as dificuldades não de mãos dadas, mas de abraço dado, quase que acoplados um no outro.

Somos vencedores e fizemos do nosso filho um lutador, mais forte que nós.

Ele suportou os choros da mãe, sempre pronto a dar um pontapé, como se dissesse o mesmo que sempre me fizeste escutar...

"Vai correr tudo bem! O filhotinho é forte!"

E é forte! Tão forte!

Lembras-te do sorriso que fizeste quando ouvimos "Já sabem o que é? É um rapaz!"?

Esse sorriso ainda hoje se mantem a acompanhar-te, apenas ficou escondido no nosso longo e árduo trabalho de parto...

"Ele tem os teus olhos!"

Cumpriu-se assim um dos meus desejos (físicos) para o nosso filho, ter os olhos tão grandes e expressivos quanto os meus.

Que ele tenha a tua calma e o teu discernimento...!

"Numa noite em que o céu tinha um brilho mais forte e em que o sono parecia disposto a não vir" Nasceu o nosso filho, que é a junção de tudo quanto de bom somos.

É a junção de muitas conquistas...

De muitos "amo-te" largados nos nossos ouvidos... De todos os beijos em que os nossos lábios se tocaram... De muitas lágrimas minhas secadas por ti
e pela magia do que me és... De muitas gargalhadas dadas em uníssono...

Sabes...? Fomos MESMO presenteados com a nossa "estrela do mar"...

"Não sei se era maior o desejo ou o espanto
mas sei que por instantes deixei de pensar
uma chama invisível incendiou-me o peito
qualquer coisa impossível fez-me acreditar" É assim que acredito que tenhas sentido o Henrique pela primeira vez!

E agora, mais que nunca, "em silêncio trocámos segredos e abraços inscrevemos no espaço um novo alfabeto"... Os três juntos...

Somos o nosso pequeno mundo, que teve de presente a mágica "estrela do mar"...

Obrigada por me fazeres alguém feliz... E me dares o jubilo de partilhar tudo quanto de bom tenho e sou...

O Henrique, o nosso róxitinho!!!

"Só pra dizer... que te amo, nem sempre encontro o melhor termo... Nem sempre escolho o melhor modo"...







Que as fadinhas especiais, mágicas e cheias de pózinhos de perlimpimpim protejam o Henrique.

Amo-te infinitamente! Amo-vos mais que a tudo o que de bom sou!

És-me, são-me, mais que tudo e muito!

2 comentários:

Eles poê-me Louca... disse...

Miuda, amei este post!!!
Está lindo já vi que temos mais uma guerreira valente, capaz de vençer batalhas...
E o amor? Sim ele é a razão da nossa força, o Amor cura, magoas, dores, ilusões sem amor não somos nada.
E foi esse amor que vos fortaleceu, algo plantado por Deus... Nada vem por acaso e creio que mais forte estarás para enfrentar a Vida, pois ela nem sempre é justa...

Um beijo Marta Pinto

Bruxinha disse...

Olá Sofia!
Adoro ler-te, seja onde for! Gosto-te e tu sabes disso!
Já vi que temos muitas coisas em comum...é também assim que se reconhecem os amigos!
No meu "Cantinho dos Livros" deixei uma sugestão de leitura para ti...espero que gostes (se o teu Rei Henrique te der tempo)!!

Beijo do tamanho do Universo e obrigada pela paz que transmites, Sandra Mota.

Enviar um comentário